Professor do Ensino Superior AVALIAÇÃO DO DANO CORPORAL

Mamede Albuquerque

Rua de Tomar, nº 2, 3000/401 Coimbra
https://pmadac.com

917766093
mamede.albuquerque@gmail.com

Comunicações de Ortopedia - 1986 a 1990

Comunicações de Ortopedia - 1986 a 1990

"Estudo linfático articular"

De colaboração com o Prof. Doutor N. Canha - 2O Autor - (CONFERÊNCIA PROFERIDA NO FIM DE SEMANA ORTO-PÉDICO E TRAUMATOLÓGICO - HOSPITAL MONOGRÁ-FICO ASSEPEYO - MADRID - 1986).
Os autores referiram o interesse do estudo linfático articular na compreensão da doença articular. Foram descritos os esforços feitos nos Serviços de Ortopedia e Rádio-Isótopos da Faculdade de Medicina para tornar possível uma metodologia que permita este tipo de estudos e referidos os resultados já obtidos. Foi salientado o interesse do estudo linfático articular na compreensão da doença crónica articular de natureza mecânica ou até inflamatória.

"Avaliação do método ortopédico-funcional no tratamento das fracturas da tíbia - algumas considerações"

De colaboração com os Drs. J. Bacalhau, B. Cardoso, J. Pires e T. Seiça - 2O Autor - (COMUNICAÇÃO AO X CONGRESSO NACIONAL DE ORTOPEDIA E TRAUMATOLOGIA - 1986).
Com o objectivo de rever todo o trabalho desenvolvido desde a criação da Unidade de Gessos Funcionais do H.U.C., os autores apresentaram parte do seu trabalho referente ao tratamento bilógico das fracturas da tíbia. Nesta comunicação analisaram, mais pormenorizadamente, a sua experiência nas fracturas da tíbia, fechadas ou expostas de grau I, tratadas desde o início segundo as regras do método funcional.

"Fracturas do escafóide cárpico - algumas considerações"

De colaboração com os Drs. J. Bacalhau, A. Cardoso, S. Oliva, F. Mendes, J. Pires, F. Barradas, T. Seiça, J. Brenha e M. Medeiros - 2O Autor - (COMUNICAÇÃO AO X CONGRESSO NACIONAL DE ORTOPEDIA E TRAUMATOLOGIA - 1986).
Os autores procederam a uma revisão dos últimos 100 processos clínicos de doentes tratados no H.U.C. com o diagnóstico de entrada de fractura do escafóide cárpico. Salientaram o interesse do diagnóstico diferencial entre fracturas instáveis e estáveis, analisando os resultados obtidos nas diversas formas de tratamento. Foram referidos os efeitos nefastos  das imobilizações por suspeita, não confirmada, de fracturas deste osso e a forma de ultrapassar as dificuldades no diagnóstico precoce.

"Doença de Kienböck - algumas considerações"

De colaboração com o Dr. F. Mendes - 2O Autor - (COMUNICAÇÃO AO X CONGRESSO NACIONAL DE ORTOPEDIA E TRAUMATOLOGIA - 1986).
Os autores procederam a uma revisão de vinte processos clínicos de doentes tratados no H.U.C. com o diagnóstico de doença de Kienböck. Após uma breve revisão bibliográfica do tema proposto, sob os seus múltiplos aspectos, foram analisados os casos tratados e realizado estudo dinamométrico dos doentes convocados. Os autores procuraram rever os conceitos mais frequentemente aceites e retirar alguns ensinamentos da experiência do Serviço em que trabalham.

"Artrose fémuro-patelar externa - alterações precoces nos exames gamagráficos com eritrócitos marcados"

De colaboração com os Drs. A. Cardoso, A. Leão, F. Mendes, J. Pires, L. Pereira, F. João e A. Isabel - 1O Autor - (COMUNICAÇÃO AO X CONGRESSO NACIONAL DE ORTOPEDIA E TRAUMATOLOGIA - 1986).
Os autores relataram o método por eles utilizado no estudo das alterações circulatórias detectáveis nas artropatias degenerativas do joelho com exames gamagráficos com eritrócitos marcados (primeira passagem e perfusão global). Analisaram as assimetrias de perfusão encontradas nos diversos graus evolutivos da condropatia e da artrose femuro-patelar externa.

"Alterações da sinovial nas artropatias degenerativas do joelho"

De colaboração com os Drs. J. Oliva, A. Leão, S. Cabrita, B. França, e os Profs. Doutores M. Beja e N. Canha - 1O Autor - (COMUNICAÇÃO AO X CONGRESSO NACIONAL DE ORTOPEDIA E TRAUMATOLOGIA - 1986).
Os autores descreveram as alterações observadas na sinovial de doentes com artropatias degenerativas do joelho e estabeleceram a correlação dos dados morfométricos, por eles encontrados, com o grau de condropatia e as alterações detectáveis nos exames gamagráficos com eritrócitos marcados e/ou dextrano 70000 - 99mTc.

"Estase intra-óssea nas artropatias degenerativas do joelho"

De colaboração com os Drs. A. Cardoso, A. Leão, F. Mendes, J. Pires, L. Pereira, F. João e A. Isabel - 1O Autor - (COMUNICAÇÃO AO X CONGRESSO NACIONAL DE ORTOPEDIA E TRAUMATOLOGIA - 1986).
Os autores relataram o método por eles utilizado no estudo da estase intraóssea nas artropatias degenerativas do joelho. Foram analisadas as vantagens da possibilidade de quantificação e feita a correlação clínica e laboratorial com os dados obtidos, com esta técnica, nos joelhos estudados.

"Estudo, no cão, de um método de exploração do sistema linfático articular"

De colaboração com os Drs. A. Cardoso, F. Mendes, J. Pires, e J. Lima e os Profs. Doutores N. Canha e R. Branco - 1O Autor - (COMUNICAÇÃO AO X CONGRESSO NACIONAL DE ORTOPEDIA E TRAUMATOLOGIA - 1986).
Os autores descreveram o método por eles utilizado no estudo da drenagem linfática articular da tibiotársica de 15 cães e realizaram uma avaliação da linfografia articular indirecta, com dextrano 70000 - 99mTc. As concentrações obtidas no tecido linfático permitem preconizar o interesse do referido marcador em estudos da drenagem linfática articular.

"Infecção óssea - bactérias mais frequentes, sua virulência e resistência aos antibióticos"

De colaboração com o Dr. J. Oliva e o Prof. Doutor N. Canha - 2O Autor - (COMUNICAÇÃO AO X CONGRESSO NACIONAL DE ORTOPEDIA E TRAUMATOLOGIA - 1986).
Os autores assinalaram as bactérias mais frequentemente encontradas na infecção osteoarticular, no Serviço de Ortopedia e Traumatologia do Hospital da Universidade de Coimbra, durante os últimos cinco anos. Chamaram a atenção para o aumento acentuado de resistência  aos antibióticos mais frequentemente utilizados.

"Profilaxia da infecção em cirurgia orto-traumatológica - antibioterapia em que moldes ?"

De colaboração com o Dr. J. Oliva e o Prof. Doutor N. Canha - 2O Autor - (COMUNICAÇÃO AO X CONGRESSO NACIONAL DE ORTOPEDIA E TRAUMATOLOGIA - 1986).
Os autores, após uma revisão das infecções pós-operatórias no Serviço de Ortopedia e Traumatologia do Hospital da Universidade de Coimbra, defenderam a forma de administração de antibióticos que lhes pareceu mais adequada a uma profilaxia correcta. Concluiram haver necessidade de se criarem, no mais curto espaço de tempo, condições hos-pitalares adequadas que permitam evitar a utilização profilática de antibiótico.

"Dor crónica - aspectos osteoarticulares"

(INTERVENÇÃO NA MESA REDONDA SOBRE A TERAPÊUTICA ACTUAL DA DOR CRÓNICA - VII CONGRESSO NACIONAL DO MÉDICO INTERNO - 1987).
Depois de breves considerações sobre o doente portador de dor crónica articular de tipo mecânico, foi analisado, de forma sumária, o papel do Médico Interno na orientação deste tipo de doentes. O autor salientou a necessidade de diagnóstico precoce de toda a causa de distrofia de qualquer das estruturas articulares na prevenção atempada da desorganização articular.

"Linfocintigrafia com dextrano 70000 - 99mTc - experimen-tação animal e aplicações clínicas"

De colaboração com os Drs.  J. Lima e o Prof. Doutor R. Branco - 2O Autor - (COMUNICAÇÃO AO V CONGRESSO NACIONAL DE MEDICINA NUCLEAR - 1987).
Os autores descreveram o método funcional por eles utilizado no estudo da drenagem linfática articular com dextrano 70000 - 99mTc. Mostraram os resultados obtidos no cão com o referido método, salientando as concentrações obtidas no tecido linfático do animal de experiência. Concluiram ser o referido marcador útil em estudos da função linfática articular. Discutiram o interesse do método no estudo da doença crónica articular mecânica ou até reumatismal.

"Alterações linfocintigráficas nas sinovites crónicas inespecí-ficas do joelho" 

De colaboração com os Drs. J. Lima e J. Neto e o Prof. Doutor R. Branco - 1O Autor - (COMUNICAÇÃO AO V CONGRESSO NACIONAL DE MEDICINA NUCLEAR - 1987).
Os autores relataram as alterações linfocintigráficas encontradas em doentes com sinovites crónicas inespecíficas do joelho. Estabeleceram a correlação entre os dados linfocintigráficos, os resultados anátomo-patológicos e o grau de condropatia verificada em per-operatório (durante a intervenção realizada para correcção cirúrgica da artropatia degenerativa).

"Cavilha aparafusada"

De colaboração com o Prof. Doutor Oberli - 2O Autor - (INTERVENÇÃO NO CURSO SUPERIOR DE CIRURGIA ÓSSEA - A. O. INTERNACIONAL - COIMBRA - 1988).
Durante a sua intervenção, de colaboração com o Prof. Oberli, os autores descreveram a técnica de aplicação da cavilha aparafusada. Foram salientadas as indicações deste tipo de material e discutidas as suas possíveis aplicações em fracturas diafisárias dos membros inferiores.

"Rigidez pós-traumática e pós-operatória"

De colaboração com o Prof. Doutor N. Canha e os Drs. M. Leão, M. Capelão e F. Barradas - 2O Autor - (INTERVENÇÃO NO CURSO SUPERIOR DE CIRURGIA ÓSSEA - A. O. INTERNACIONAL - COIMBRA - 1988).
Os autores, depois de equacionarem o problema da rigidez e a sua incidência nos traumatismos osteoarticulares e no pós-operatório da cirurgia ortopédica e traumatológica, relataram os resultados por eles obtidos no estudo da drenagem linfática e com glóbulos vermelhos marcados em doentes com patologia unilateral. A análise dos resultados mostrou que existiam diferenças significativas entre os joelhos normais e as articulações funcionais. De acordo com os resultados referidos os autores propuseram uma metodologia terapêutica capaz de prevenir a rigidez articular.

"Lymphoscintigraphie articulaire"

De colaboração com o Dr. J. Lima e os Profs. Doutores R. Branco e N. Canha - 2O Autor - (INTERVENÇÃO NA SESSÃO SOBRE "IMAGERIE FONCTIONNELLE DU SYSTÈME LYMPHATIQUE”- IX MEETING DU G.E.L.- GRENOBLE - 1988).
Cherchant à obtenir une standardisation de la technique de la lymphoscintigrafie articulaire, les auteurs ont décrit le travail expérimental effectué, sur le chien. Après avoir recueilli des échantillons de sang durant l'examen ainsi que des organes et du tissu lymphatique à la suite de la nécropsie de l'animal en expérience, on a observé que le dextran 70000 - 99mTc est propice à la réalisation d'études quantitatives du drainage lymphatique articulaire. Après une description résumée de la méthodologie utilisée dans le genou, ils ont présenté, à l´ aide de plusieurs exemples, les résultats obtenus de caractère morphologique et fonctionnel.

"Anomalies lymphoscintigraphiques dans les arthropaties dégénératives du genou"

De colaboração com os Drs. J. Lima e A. Leão e os Profs. Doutores R. Branco e N. Canha - 1O Autor - (INTERVENÇÃO NA SESSÃO SOBRE "IMAGERIE FONCTIONNELLE DU SYSTÈME LYMPHATIQUE"- IX MEETING DU G.E.L. - GRENOBLE - 1988).
Les auteurs ont décrit les anomalies lymphoscintigraphiques trouvées dans les arthropathies dégénératives du genou. Ils ont établi la correlation clinique-biologique entre les résultats lymphoscintigraphiques, les différents degrés de l'arthro-pathie dégénérative et les autres examens biologiques du type morphologique (histologie) et fonctionnel (scintigraphie aux globules rouges marqués). Ils ont conclu qu'il y existe une disfonction lymphatique autonome et indépendante des autres disfonctions microcirculatoires signalées par plusieurs auteurs dans la maladie articulaire dégénérative.

"Lymphoscintigraphic and morphometric study of synovial membrane of the ostheo-arthritic knee"

De colaboração com o Dr. S. Cabrita e os Profs. Doutores M. Beja e N. Canha - 1O Autor - (COMUNICAÇÃO À REUNIÃO CONJUNTA "GROUPEMENT EUROPÉEN DE LYMPHO-LOGIE - BRITISH LYMPHOLOGY INTEREST GROUP" - OXFORD - 1988).
The authors present a study of 33 synovial membranes using histology and morphometry. The synovial membrane was collected from ostheo-arthritic knees which presented lymphoscintigraphic anomalies. The morphometric study revealed no significant differences in the VV vessels and the VV inflammatory infiltrate among the three groups. The articular lymphoscintigraphy, with dextran Tc labelled, shows a diminution of local clearance in all cases studied. An increase in regional nodal accumulation was also observed. The authors conclude that the lymphatic dysfunction demonstrated by articular lymphoscintigraphy and the synovial membrane fibrosis are interconnected in degenerative arthropathy of the knee.

"Preparação de condrócitos para estudos in vitro - optimização de técnicas" 

De colaboração com o Prof. Doutor M. Beja e o Dr. S. Cabrita - 4O Autor - (COMUNICAÇÃO AO XI CONGRESSO NACIONAL DE ORTOPEDIA E TRAUMATOLOGIA - 1988).
Os autores referiram, comparativamente, algumas técnicas de isolamento de condrócitos a partir da cartilagem para estudos posteriores. Apresentaram seis técnicas de extracção enzimática empregando tripsina a 4ºC(I), tripsina a 37ºC(II), tripsina - NaCI(III), tripsina - EDTA(IV), pronase E(V) e hialuronidase(VI). O material estudado foi a cartilagem (das orelhas e do esterno) de ratinho BALB/C, com oito semanas. As células obtidas tinham sido observadas ao microscópio e contadas. Foram comparados os resultados das várias técnicas para determinar o método que permitia extrair uma maior quantidade de células viáveis. O tratamento dos dados obtidos com o teste de Scheffe e Fisher permitiu concluir que a técnica com a extracção de maior número de células viáveis foi o método VI.

"Estudo bioquímico das proteínas dos líquidos articulares na artropatia degenerativa do joelho" 

De colaboração com os Drs. A. Cardoso, L. Silveira e C. Arruda - 1O Autor - (COMUNICAÇÃO AO XI CONGRESSO NACIONAL DE ORTOPEDIA E TRAUMATOLOGIA - 1988).
Os autores apresentaram um estudo bioquímico de proteínas de líquidos articulares provenientes dos joelhos patológicos de 49 doentes sofrendo de artropatia degenerativa da referida articulação. Foram por eles determinados os valores de proteína total e do fraccionamento electroforético do líquido articular e do soro. Analisaram as percentagens de cada uma das fracções obtidas por electroforese do líquido articular, do soro e as diversas relações percentuais. Estudaram os perfis dos diversos líquidos articulares e realçaram o facto de não ter sido encontrada qualquer banda adicional.

"Uma perspectiva ortopédica da avaliação médico-legal do dano futuro (reparação do dano em Direito Civil) - algumas considerações"

(COMUNICAÇÃO AO XI CONGRESSO NACIONAL DE ORTOPEDIA E TRAUMATOLOGIA - 1988).
O autor, depois de uma revisão de 925 processos de avaliação do dano em Direito Civil, analisou os diversos parâmetros periciais considerados. Referiu os vários tipos de situações ortopédicas em que o dano traumático se apresenta com grandes probabilidades evolutivas. Discutiu o conceito da "permanência do dano" e a imputabilidade do dano futuro ao traumatismo inicial. Abordou ainda os diversos problemas levantados pelo diagnóstico do dano futuro nas situações ortopédicas em que um agravamento previsível implica uma avaliação de natureza essencialmente prognóstica. O autor caracterizou também o dano futuro nas suas diversas vertentes.

"Meio ambiente articular e drenagem linfática - algumas considerações" 

De colaboração com o Dr. S. Cabrita - 1O Autor - (COMUNICAÇÃO AO XI CONGRESSO NACIONAL DE ORTOPEDIA E TRAUMATOLOGIA - 1988).
O autores procederam, neste artigo, a uma análise dos dados actualmente adquiridos na investigação que apontam para um esclarecimento significativo dos mecanismos da biologia condro-sinovial. Além da revisão dos aspectos da biologia da cartilagem e do meio ambiente articular analisaram os diversos factores envolvidos na degradação articular das artropatias degenerativas, particularmente da alteração dos sinais, mensagens e estímulos que condicionam e modulam a actividade do condrócito nestas situações de distrofia articular. Referiram as alterações da síntese celular, as modificações da matriz conjuntiva articular e a resposta irritativa condro-sinovial. Salientaram o desconhecimento, ainda hoje existente, acerca dos mecanismos mais íntimos da regulação trófica do ambiente articular, particularmente no que se refere às funções de clarificação do interstício articular e à regulação do conteúdo proteico dos tecidos condro-sinoviais.

"Sindromas compartimentais"

De colaboração com o Prof. Doutor N. Canha e os Drs. D. Rocha, A. Cardoso, F. Judas, J. Portela, C. Arruda, J. Casanova, J. Quental, F. Fonseca, F. João, J. Neto, V. Ramos, L. Teixeira e V. Carvalheira  - 2O Autor - (CONFERÊNCIA SOLICITADA - XVIII CONGRESSO HISPANO-LUSO DE ORTOPEDIA E TRAUMATOLOGIA - 1989).
Os autores descreveram o estudo experimental realizado para compreensão dos sindromas compartimentais. Apresentaram os seus estudos no cão (utilizando a linfocintigrafia, a flebografia intra-óssea, a arteriocintigrafia, etc.) e no cadáver. Foi dado realce particular à determinação da tensão do compartimento e ao seu interesse prático. Foram definidas as atitudes terapêuticas mais aconselháveis de acordo com o contexto clínico, loca atingida e valores da tensão medida em cada caso concreto.

"Disfunção linfática articular nas condropatias e artroses do joelho"

De colaboração com os Drs. A. Cardoso e J. Lima e o Prof. Doutor N. Canha - 1O Autor - (COMUNICAÇÃO À SESSÃO CONJUNTA SEROD-SECOT - XVIII CONGRESSO HISPANO-LUSO DE ORTOPEDIA E TRAUMATOLOGIA - 1989).
Os autores descreveram a metodologia utilizada no estudo das alterações linfocintigráficas na artropatia degenerativa do joelho. Usando o dextrano 70000 - 99mTc, injectado intra-articularmente, encontraram na artropatia degenerativa do joelho uma disfunção linfática articular. Os valores obtidos evidenciaram um aumento da retenção articular, tanto maior quanto maior era o grau de condropatia, e um acréscimo da acumulação ganglionar do produto radioactivo proporcional à gravidade da artropatia.

"Trabalho e sistema osteoarticular"

(INTERVENÇÃO NO I CURSO MONOGRÁFICO DE MEDICINA PREVENTIVA - SAÚDE OCUPACIONAL - 1989).
Nesta Conferência o autor dedicou-se ao estudo das agressões físicas decorrentes do exercício laboral capazes de causar sofrimento mecânico das articulações expostas. Dentro da tradução possível da patologia gestual articular, de tipo mecânico, deu realce particular à dor como dado semiológico fundamental no sentido de despistar o sofrimento das diversas estruturas articulares ligadas ao exercício profissional. Assim, no decurso da exposição, o autor definiu os diversos sindromas lesionais crónicos de natureza gestual ou microtraumática. Procedeu a uma revisão dos vários factores predisponentes (tecnológicos, higieno-dietéticos e individuais) da lesão do sistema locomotor. Analisou os gestos profilácticos e terapêuticos possíveis neste tipo de patologia.

"Cintigrafia e infecção osteoarticular"

(INTERVENÇÃO NO TEMA - AVANÇOS NO TRATAMENTO DA INFECÇÃO OSTEOARTICULAR - I JORNADAS IN-TERNACIONAIS DE INFECÇÃO OSTEOARTICULAR- COIMBRA - 1990).
O autor descreveu os diversos radiofármacos capazes de servirem no estudo cintigráfico da infecção osteoarticular. Salientou determinados marcadores por si utilizados para estudos articulares e defendeu a sua utilidade no estudo das situações de artrite séptica (estudo da drenagem linfática com dextrano marcado) e de osteíte (glóbulos vermelhos marcados).

"Experimental chronic lymphedema" 

De colaboração com os Drs. C. A. Santos, A. M. S. Cabrita e F. Pacheco e o Prof. Doutor Matos Beja - 4O Autor - (COMUNICAÇÃO À XII REUNIÃO DO GROUPEMENT EUROPÈEN DE LYMPHOLOGIE -  1990).
To produce experimental chronic lymphedema a suspension of kaolin 30 g/dl in distilled water is used. About 0,5 ml of the product is injected in each ankle of the rat, in a group of ten animals. Three weeks later about 0,5 ml of radiologic contrast was injected into the foot and Xray films obtained. The animals were then sacrified and the material obtained was prepared for histologic study. The results of the method are discussed.

"Methods for the microscopic study of the lymphatic system" 

De colaboração com os Drs. A. M. S. Cabrita, M. B. França e C. A. Santos e o Prof. Doutor Matos Beja - 5O Autor - (COMUNICAÇÃO À XII REUNIÃO DO GROUPEMENT EUROPÈEN DE LYMPHOLOGIE -  1990).
Methods for the study of the lymphatic system have not benn sufficiently improved by new microscopic techniques. The identification of small lymphatic vessels still presents some difficulties. The immunocytochemistry that has improved many areas of histopathology has some problems in solving the difficulty of the identifying the small lymphatic vessels. A combination of immunocytochemical tests and morphologic characterisstion is suggested for better identification of small lymphatic vessels.

"The study of the lymphatic system with pigments and resins" 

De colaboração com os Drs. A. M. S. Cabrita e C. A. Santos e o Prof. Doutor Matos Beja - 3O Autor - (COMUNICAÇÃO À XII REUNIÃO DO GROUPEMENT EUROPÈEN DE LYMPHOLOGIE -  1990).
The histologic methods of investigation of lymphatics have not been improved as much as other histologic techniques. Injections of pigment is still very useful in experimental pathology. The authors present a study in which Wistar rats were injected in each foot with indian ink (group I), indian ink plus complete resin (group II) and indian ink plus incomplete resin (group III). All the animals were sacrified 24 hours after the injection. Sections of 4 um were obtained and stained with haematoxilin  and eosin. The posssibilities of lymphatic demonstration by these methods are discussed.